Indecisões.

9782070440511

Tenho dificuldade em admitir que sou um leitor instável. Mas esta noite, que nem é atípica, folheei o Melmoth the Wanderer, o Winter Book da Tove Jansson, Breakfast With The Borgias do DBC Pierre, Emerald City da Jennifer Egan e Les Onze de Pierre Michon. Fico sempre assim antes de me comprometer. Agora estou indeciso entre o Melmoth (muito grande) e o Michon (talvez muito chato). A probabilidade de me dedicar a algo que nem sequer aparece nesta lista é altíssima, até porque excluí os livros de suporte digital. E por sorte perdi hoje uma encomenda que me trazia de França uma Ferrante, um Karl Ove Knausgaard e o Entre Ciel et Tierre do Jón Kalman Stefánsson. Foi Deus que se apiedou.

Enfim, o Melmoth será.

6 pensamentos sobre “Indecisões.

  1. Fui investigar o Melmoth the Wanderer, só porque gostei do nome, e descobri que está na net, no projet gutemberg. Também não conhecia os outros. Agora ando a reler o Pére Goriot.

    Gostar

          1. O Balzac é óptimo e também é um bocado gótico, no género les souterrains de paris (no caso do Pere Goriot, entre outros). O Balzac tinha uma profundidade psicológica e de caracterização de climas e cenários, que quem dera ao Eça, que era mais do género colecção de tipos e caricaturas. Pronto, convida-se o Balzac para fazer a coluna de opinião na última página. Temos de ter lá um monárquico, para trazer as tias para a causa.

            Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s