Aldeia gaulesa.

A peregrinação de Tsipras pela Europa deve cair como uma pedra no estômago dos imbecis do nosso Governo e dos indigentes que o apoiam. Estas puerilidades devolvem-me anos de vida.

Advertisements

13 pensamentos sobre “Aldeia gaulesa.

  1. é uma maravilha 🙂 e quando os “populistas” e “mentirosos” gregos chegam a compromissos 1000 vezes melhores que os lambe-botas anteriores conseguiam, cai-lhes a imprensa de dentro e fora de portas com as “quedas na realidade” e o “recuar” no programa.
    http://www.keeptalkinggreece.com/2015/02/03/greece-drops-debt-write-off-somersault-cheer-some-gloating-greeks/
    que bem vamos nós, bons alunos, ah! que óptimo ver o país a pular e avancar como bola colorida nas maos destes mentecaptos ❤

    Gostar

  2. Tudo isto pode dar para o torto, mas não se pode pedir a ninguém que ande em constante tensão e já ninguém me tira o maravilhamento com o que está a acontecer: um renascimento da criatividade na politica, que pode fazer renascer a Europa. Os que acusam o governo grego de recuar nas promessas, esquecem que isto é jogo ao mais alto nível, o que se calhar não é completamente estranho ao facto de o Varoufakis ter sido conselheiro especial de uma empresa americana de jogos ;). O governo grego, logo que eleito, toma medidas com impacto no bem estar dos seus cidadãos, mantém a retórica do discurso do corte da dívida e faz logo de seguida um blitzkrieg pela Europa, recuando apenas o suficiente para ir ao que lhe interessa, sem nunca retomar ao ponto de partida que lhes impuseram, conseguindo com isso acalmar os mercados, ganhando até a sua simpatia, com efeito imediato na bolsa, e simultaneamente aquecendo o debate global sobre o efeito da dívida (aqui, um pouquinho: http://www.theguardian.com/global-development/2015/feb/04/greece-spain-debt-restructuring). Isto tudo junto equivale a fazer a Europa engolir um objeto grande e estranho por um dos seus orifícios. Vai-lhe doer um pouco, mas corre o risco de gostar e querer mais. Espero agora ansioso que a tournée do Varoufakis inclua uma passagem por Portugal e um encontro com a nossa Maria Luísa.

    Gostar

    1. Julgo que tem razão quando diz que aqui estamos num outro nível. Há sem dúvida sinais de inteligência e intencionalidade. Não estamos no campo do “vamos portar-nos bem para que a sô doutora Merkel goste de nós e faça preço de amiga.”

      Gostar

          1. Um combate intelectual tão desnivelado como esse só pode dar K.O. ao primeiro round. É melhor que o Varoufakis não venha. Que digo eu? Pensando melhor, resolvia-nos um problema ….

            “Melhor” que Portugal só mesmo os EUA com o Bush Junior …

            Gostar

      1. A resposta grega apenas prova que eles são demasiado tenrinhos, pouco preparados para a vida. As nossas histórias infantis são para crianças de barba dura: no fim o lobo mau come a avó, a mãe e o pai e põe a rapariguita a render numa esquina.

        Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s