Portanto é assim.

De um dia para o outro toda a gente que andou por aí a defender a despesa pública é inimputável, excepto Alberto João Jardim. Neste assunto tenho a consciência tranquila porque sou de esquerda mas sempre temperei o meu escasso keynesianismo com sensatez. Os arquivos do blog estão cá para o provar. Faz parte das peculiaridades do país que quem se calou perante as PPP, o novo aeroporto de Lisboa ou de Beja, a corrupção desbragada, a terceira auto-estrada do norte e o TGV agora berre e vocifere contra as dívidas da Madeira. Mas só há um homem em cargos públicos com autoridade para dizer isto:

Tive uma grande tarefa que foi tapar o buraco financeiro que tenho. Sobre buracos financeiros não tenho mais a acrescentar do que tenho vindo a dizer ao longo de dez anos, aliás com muitas críticas. Chamaram-me muitas vezes contabilista, disseram que tinha pouca ambição e pouco rasgo… agora a Câmara do Porto tem as finanças equilibradas e o rasgo dos outros foi tanto que rasgaram o futuro do país.

E acabou a conversa (via).

27 pensamentos sobre “Portanto é assim.

  1. Embora não tenha nenhuma simpatia pelo PSD, onde nunca votei, há anos que digo que Rui Rio é o único político a quem dou o benfício da dúvida.

    Gostar

  2. Sobre o rui popó rui, para além dos milhões que gasta em corridas de popós para meia-dúzia de gatos, só tenho a dizer isto: demagogia feita à maneira, é como queijo numa ratoeira.

    Gostar

    1. Marco, rapaz, tu estás a citar a Lena D’Água! 🙂

      (mas, infelizmente, tens razão; simplesmente, era necessário fazer o que ele fez (ao nível contas), embora pudesse ter sido feito de outra forma, menos provinciana, digamos)

      Gostar

      1. eheh, Carlos, estamos a falar do rui popó rio, por isso, tinha de descer um pouco o nível das referências culturais 😉
        Sim, é verdade, aquelas contas estavam uma miséria. Agora imaginemos uma mercearia com dívidas aos fornecedores que resolve deixar de repor os stocks até resolver a dívida. O que acontece? os clientes deixam de a frequentar, porque simplesmente não encontram os produtos que procuram. E a mercearia encerra. Esta é a política do merceeiro rui rio.

        Gostar

        1. Estava a brincar contigo. 😉 Aliás, ela, desde que se virou para o jazz, até está a desenvolver um trabalho bem interessante.
          O rui popó rio, como gostas de o nomear — e eu acompanho-te –, é tudo o que dizes, mas a questão, para mim, é: que alternativas os outros partidos nos deram? O Teixeira Lopes? A Elisa Ferreira (e antes dela o Assis, que não conseguiria guiar um carreiro de formigas na direcção das migalhas)? O do PCP, que no primeiro mandato fez o jogo do Rio? O Porto não tem tido sorte, é o que é, e ele pareceu-me o mal menor.

          [Mas, para que fique claro, jamais votaria nele numas legislativas — nunca nunca nunca.]

          Gostar

          1. Concordo, as alternativas eram fraquinhas. Em terra de cegos quem tem um olho é rei.
            Nem me fales desse do PCP, é uma vergonha.

            Gostar

      1. Ok, só que no caso da Bélgica por acaso tem um plano de estabilidade que está em cumprimento. A verdade é que não quero avaliar a “obra feita” por Rui Rio, que desconheço — embora desconfie sempre um pouco de obras feitas.

        Gostar

  3. Sorte a da Bélgica que tem um plano. Já o merceeiro tem duas políticas: política de terra queimada e política de vistas curtas. Já era altura de os portugueses deixarem de confundir um presidente de câmara com um empreiteiro. A segunda cidade do país simplesmente não tem um plano estratégico de desenvolvimento. E quanto ao potencial, julgo ser desnecessário destacar.

    Gostar

      1. Não, eu referia-me à expressão da “obra feita”. Basta andar no Porto e perceber a cidade antes e depois do rui rio (mesmo antes da crise). A cidade estagnou.
        Olhe, é um pouco como o outro que aumenta o IVA para aumentar a receita. Mas esquece-se que ao aumentar o IVA o consumo diminui, logo a receita também. Génios.

        Gostar

  4. “Neste assunto tenho a consciência tranquila porque sou de esquerda”. Não se preocupe. Era bem pior se fosse do benfica.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s